Santander e HSBC seguem com juros mais altos no cheque especial


Os juros do cheque especial tiveram alta no mês de março, segundo pesquisa do Procon-SP. Apesar de não terem sido os únicos a não fazer reajustes, Santander e HSBC seguem com as taxas mais altas entre os bancos pesquisados (14,95% e 14,67%, respectivamente).

Em comunicado, o HSBC afirmou que "pratica preços personalizados que podem variar de acordo com o perfil do cliente e relacionamento que o mesmo mantém com o banco".

O levantamento também envolveu Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Safra. Foram coletadas taxas vigentes em 4 de março. A taxa média dos bancos pesquisados foi de 13,02% ao mês, superando em 0,23% fevereiro, que havia fechado 12,79%.

Empréstimo pessoal A Caixa Econômica Federal foi a única instituição financeira que alterou a taxa de juros do crédito pessoal, que passou 5,00% para 5,50% ao mês. Este valor representa uma variação positiva de 10% em relação à taxa de fevereiro.

Entre os bancos avaliados na pesquisa, a taxa média foi de 6,48% a.m., o que signfica uma alta de 0,07 ponto percentual em relação ao mês anterior, que ficou em 6,41%.

Juros em 2015 A taxa do cheque especial chegou a 287% ao ano em dezembro, com alta de 2,1 pontos percentuais em relação a novembro. Na comparação com dezembro de 2014, a alta chegou a 86 pontos percentuais.

A taxa do crédito pessoal caiu 2,8 pontos percentuais para 117,6% ao ano.

Fonte: iG

#hsbc

Posts recentes

Ver tudo

Seguir:

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo