top of page

Itaú: Extensão do prazo para compensação de horas negativas é decidida em reunião da COE com o banco


A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú e a direção do banco se reuniram nesta segunda-feira (2), por meio de videoconferência para discutir o limite para a compensação do banco de horas negativas.


A data foi estendida por mais seis meses. O limite de compensação passa agora para o dia 28 de fevereiro de 2023.


De acordo coma COE Itaú, o acordo de banco de horas negativo foi negociado com o objetivo de garantir os direitos dos trabalhadores que foram afastados ou incluídos no regime de rodízio nas agências, em razão da pandemia do Coronavirus no país.


A reunião desta segunda-feira definiu ainda, a prorrogação para o prazo de adesão do Programa de Desligamento Voluntário (PDV). De acordo com os participantes, os critérios continuam os mesmo desde a primeira divulgação. De acordo com o banco, o prazo para a adesão será estendido para até o dia 13 de maio.

Comments


bottom of page