top of page

INSS convoca mais de 4 milhões de beneficiários para a prova de vida




O INSS (Instituo Nacional do Seguro Social) está notificando 4.351.557 beneficiários nascidos em janeiro, fevereiro e março em todo país para comprovar que estão vivos. São pessoas que o instituto não conseguiu localizar em nenhuma base de dados para fazer o procedimento chamado de prova de vida.


O segurado está sendo notificado pelo aplicativo Meu INSS, pela Central 135, e/ou no banco onde recebe o benefício.


Assim que receber a notificação, o segurado tem até 60 dias para procurar o INSS ou o banco onde recebe o benefício para realizar a prova de vida. Após este prazo, o pagamento poderá ser bloqueado.


Segundo o INSS, já foram notificadas 3.089.043 pessoas nascidas em janeiro e fevereiro. Nesta quinta-feira (1º) será a vez de 1.262.514 que fazem aniversário em março que estão há mais de 12 meses sem realizar a prova de vida.


Desde janeiro de 2023, os beneficiários do INSS não precisam ir ao banco para fazer a prova de vida anual. Cabe ao órgão previdenciário cruzar informações das bases de dados de órgãos, entidades ou instituições, mantidos ou administrados pelos órgãos públicos federais, estaduais, municipais e privadas para checar se os segurados estão vivos.


São usadas informações como acesso ao aplicativo Meu INSS com o selo ouro, contratação de empréstimo consignado por reconhecimento biométrico, realização de perícia médica, vacinação, atualizações no CadÚnico (cadastro para programas sociais do governo federal) e declaração do Imposto de Renda.


Para servidores públicos federais inativos e pensionistas da União a prova de vida é feita nos aplicativos Sougov.br e Gov.br ou na agência bancária onde o pagamento é realizado. O procedimento deve ser feito no mês de aniversário do servidor beneficiário.



Comments


bottom of page