top of page

Representantes da APCEF/SP debatem com Sured fechamento de SRs


Representantes da APCEF/SP, Fenae, Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região e Contraf reuniram-se, na manhã desta sexta-feira (6), com o gestor responsável pela Sured para discutir o fechamento das Superintendências Regionais (SRs) Pinheiros e Ipiranga.

Confira, abaixo, os questionamentos feitos pelos representantes dos empregados e os esclarecimentos do gestor da Sured. Logo após a reunião, os representantes dos trabalhadores reuniram-se com os empregados das SRs.

Quando a Sured tomou conhecimento do fechamento das unidades? O fechamento das SRs foi definido pelo Conselho Diretor da Caixa na reunião da quarta-feira (4). A Sured tomou conhecimento em seguida e repassou a informação para os superintendentes das SRs extintas, que foram incumbidos de avisar às equipes. O Conselho Diretor decidiu também criar outras três SRs serão criadas, todas na região Nordeste: Petrolina, Campina Grande e Imperatriz.

Em cada uma destas SRs há cerca de 30 pessoas lotadas administrativamente, além de outras que trabalham nestes locais por destacamento. O que acontecerá com elas? Os empregados destacados voltarão para suas unidades de lotação administrativa, mantendo as funções. Ainda não há informações se a meta das agências será revista por receber de volta estes trabalhadores. Quanto aos empregados com lotação administrativa nas SRs extintas, foi solicitado à Gipes um levantamento de vagas e funções em aberto na região da Sured para viabilizar transferências por lateralidade ou, se não for possível, por decesso. Na impossibilidade ou recusa dos empregados em aceitar a lateralidade ou decesso, deve ocorrer o descomissionamento. O representante da Sured não soube informar qual seria o motivo lançado. No entanto, o coordenador da Comissão Executiva dos Empregados (CEE) explicou que, em contato anterior com o superintendente da Suret (Superintendência de Relações de Trabalho), foi informado que o motivo do descomissionamento será o 12 – extinção de unidade. Importante lembrar que existe uma liminar conquistada pela Contraf-CUT que suspende a revogação feita pela Caixa do RH 151, que normatiza a incorporação da gratificação de função. Nas hipóteses de descomissionamentos previstas no manual, e atendidos requisitos como tempo de exercício da função, os empregados mantém o direito de incorporação.

Os empregados poderão ser transferidos para áreas-meio ou poderão escolher a unidade para onde irão? Segundo a Sured, a prioridade é a realocação para a rede, mas casos específicos poderão ser debatidos. Assim que o mapeamento de vagas e de funções for feito, ocorrerá nova reunião com os representantes dos empregados para debater as dificuldades encontradas na realocação. Esta reunião será agendada ainda hoje, no fim da tarde.

E as agências vinculadas a cada uma das SRs, que são cerca de 80, o que acontecerá? A Sured irá definir qual será a nova SR de vinculação das agências.

Neste processo haverá fechamento de agências ou PABs? Pelas informações recebidas até o momento, não haverá fechamento de agências ou PABs neste processo.

O que acontecerá com as agências digitais vinculadas às SRs extintas? Ainda não há esclarecimentos sobre as agências digitais.

Quando acontecerá a extinção? O cronograma de fechamento das SRs ainda não foi divulgado, deve acontecer ao longo desta sexta-feira, mas a extinção não deve ocorrer até o fim deste mês. A prioridade da Sured é o mapeamento das vagas e funções para realocação dos empregados.

Reestruturação – Em meio ao anúncio da extinção das SRs, os representantes dos empregados também receberam a informação de que serão criadas 17 agências de atacado em São Paulo, 11 delas na área da Sured. Essas unidades não serão vinculadas à rede e terão como foco o atendimento de Pessoa Jurídica, pública ou privada.

Caso precise de auxílio no processo de realocação, fale com a APCEF/SP. Ligue (11) 3017-8315 ou envie e-mail para sindical@apcefsp.org.br.

Apecef

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page