• Sindicato dos Bancários

Vitor Lippi faz informativo para ‘enganar’ trabalhador


O deputado Federal sorocabano Vitor Lippi (PSDB), preparou um “informativo” e distribuiu-o à população, tratando de alguns pontos chave da reforma trabalhista, defendida pelo governo de Michel Temer.

O material produzido pela equipe de Lippi pretende induzir o trabalhador a acreditar, que os principais pontos da dita ‘reforma trabalhista’ que o movimento sindical tanto questiona, são positivos para os trabalhadores. As questões abordadas pelo informativo são: fim do imposto sindical, trabalho em casa (home office), trabalho intermitente e a homologação feita na empresa sem a interferência do sindicato. Além disso, ainda coloca como mentiras do movimento sindical o fato de que o trabalhador perderá férias, 13°, redução do horário de almoço, demissão coletiva e exposição de mulheres grávidas ao ambiente de risco.

Todos esses pontos estão sendo exaustivamente comunicados aos trabalhadores pelo movimento sindical, pois na prática, significam perda de direitos. “O que os empresários defendem como “direitos” dos funcionários nada mais são do que a perda deles! Ou algum funcionário acha bom receber apenas pelo horário trabalhado (trabalho intermitente) e não saber qual o valor de seu salário no fim do mês? Que trabalhador concordaria em abrir mão de exigir seus direitos quando for demitido de forma injusta (homologação feita nas empresas)? Será que todos os trabalhadores gostariam de ter suas tão sonhadas férias divididas em três partes, à escolha do patrão?”, alerta Julio Cesar Machado.

Julio ainda alerta para que os trabalhadores procurem se informar sobre a ‘reforma’ trabalhista, para se precaver de mentiras arquitetadas para beneficiar a classe empresarial. “Em nosso site e facebook postamos reportagens sobre o assunto quase que diariamente. Fiquem atentos para não se deixar enganar. A CLT foi conquistada com muita luta. Não vamos permitir uma manobra inescrupulosa a destrua”.

SEEB Sorocaba

#sindnews

Seguir:

9 9784-7687

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo