• juliana9986

CAMPANHA SALARIAL: Reunião de negociação com a CAIXA

A Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação – CEBNN/Contec esteve reunida nesta segunda-feira (24), em videoconferência, com os representantes da Caixa Econômica Federal para debater a pauta de reivindicações dos empregados nesta Campanha Salarial.

A reunião foi coordenada por parte da CONTEC, pela diretora de Finanças da CONTEC, Rumiko Tanaka, acompanhada dos representantes da FERB AL/PE/RN, FEEB GO/TO, FEEB MG, FEEB PR, FEEB SP/MS, SEEB GO, ADVOCEF, ANEAC, AUDICAIXA e FENAG; e, pela Caixa, foi coordenada pela gerente executiva GN/Relações Trabalhistas, Mychelly Rodrigues Braga e o superintendente de Relações de Trabalhistas, Edgard Rodrigues, acompanhados dos demais membros.

Seguindo o calendário de negociações, o tema voltado a mesa foi o Saúde Caixa.

Diante da negativa da Comissão dos Empregados Caixa/Contec na última reunião sobre a proposta apresentada pela Caixa, no que se refere ao aumento do custeio/contribuição dos empregados no plano de Saúde, a Caixa solicitou uma nova rodada de negociações para que pudesse fazer os esclarecimentos sobre as dúvidas e questionamentos colocados em mesa pelos representantes dos empregados para que o assunto pudesse ser objeto de maior reflexão.

Haja vista a complexidade do tema Saúde Caixa, a coordenadora dos representantes dos empregados Rumiko Tanaka aproveitou o início da reunião para sugerir que a discussão sobre o custeio do plano de saúde ocorresse após a Campanha Salarial.

Considerou a proximidade da data-base (1º de setembro) e estar a Caixa condicionada à mesa  Fenaban , já com reunião agendada para amanhã, 25, com novas propostas.

A Comissão Nacional dos Empregados Caixa/Contec sugeriu então que logo após o desfecho da Campanha Salarial, fossem agendadas reuniões para debater com muito esmero e critério o  tema, propiciando ainda consulta aos empregados, parte legítima do processo, de forma a alcançar consenso entre as partes.

A Comissão Caixa também manifestou preocupação com o tema e que conta com a representação dos empregados para viabilizar uma solução para o Plano de Saúde dos empregados.

Para a comissão dos empregados será impossível condicionar ao Acordo Coletivo de Trabalho a proposta como foi apresentada e muito mais ainda em relação aos valores.

Não obstante a comissão entender que o assunto não deva ser tema desta campanha salarial de forma a inviabilizar qualquer acordo, os dados apresentados pela Caixa foram objeto de estudos pela Comissão dos Empregados e discutidos em mesa.

A Comissão dos Empregados reforça que a proposta da Caixa não contempla os princípios da equidade, justiça, solidariedade e nem do pacto entre as gerações.  Todos são princípios básicos de um plano de saúde de auto-gestão. Por isto contam com melhor disposição da empresa quanto ao financiamento das despesas com a saúde caixa, que mesmo com as limitações da resolução CGPAR, existem mecanismos legais para que a empresa melhore em muito a sua proposta e dê mais clareza a alguns dados relevantes de despesas apresentadas. O avanço das negociações quanto à saúde caixa, desvinculado da Campanha Salarial só depende da boa vontade da Caixa.

Para os representantes dos empregados é preciso dar sustentabilidade ao plano, oferecendo sustentabilidade para que os empregados possam permanecer no plano. Este é o objetivo.

Para a CEBNN/Caixa/Contec os empregados Caixa que enfrentam no dia a dia as dificuldades do trabalho face aos planos de governo, e muito mais agora com a pandemia e o auxílio emergencial, merecem melhor atenção da empresa.  Esperam propostas que atendam às suas reivindicações.  

PRÓXIMA REUNIÃO

Amanhã, dia 25, além da rodada Fenaban, haverá nova reunião com a Caixa na parte da manhã, às 9h30 para apresentação da proposta da Participação dos Lucros e Resultados (PLR).


Contec

Seguir:

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo