• juliana9986

Bradesco manterá funcionários trabalhando em casa uma semana por mês

Banco estima que rotatividade permitirá levantar até R$ 800 milhões com a venda de ativos imobiliários e gerar economia anual de R$ 100 milhões em aluguel.


O Bradesco planeja ter seus funcionários trabalhando em casa em média uma semana por mês de forma permanente com o objetivo de economizar no aluguel e vender alguns imóveis, disse Octavio de Lazari Junior, presidente do banco, em entrevista.

Os planos de trabalho remoto do Bradesco para seus quase 97 mil funcionários são o exemplo mais recente de como a pandemia de coronavírus faz com que as grandes empresas repensem seus ativos imobiliários e redefinam o local de trabalho.

O Bradesco estima que a nova rotatividade dos funcionários permitirá ao banco levantar entre R$ 600 milhões a R$ 800 milhões com a venda de ativos imobiliários e gerar uma economia anual de R$ 100 milhões em aluguel.

Atualmente, 94% da equipe administrativa do Bradesco e metade dos funcionários da filial trabalham em casa por conta da pandemia. O próprio Lazari disse que agora trabalha na sede do banco apenas às segundas-feiras.

Ele disse esperar que a maior parte da força de trabalho comece a retornar gradualmente aos escritórios em setembro ou outubro, dependendo da evolução do vírus no Brasil, atualmente o segundo pior do mundo depois dos Estados Unidos.

O banco comprou meio milhão de testes de coronavírus para seus funcionários. O fim das mesas fixas para os funcionários permitirá o uso flexível do espaço restante do escritório durante o mês.

O tempo que um funcionário passa no escritório dependerá de sua função. Os atendentes de telemarketing, por exemplo, devem ficar mais de uma semana por mês em casa, enquanto uma equipe de TI que esteja trabalhando num grande projeto, poderá passar mais tempo no escritório.

A implantação do trabalho remoto faz parte de planos mais amplos de cortar custos entre 5% e 7% a partir do próximo ano, disse Lazari. Isso inclui diminuição do numero de seguranças nas agências e economia com transporte de dinheiro em carro-forte, entre outras coisas.

O Bradesco renovará cerca de 700 de suas mais de 4.100 agências bancárias neste ano, com o objetivo de concentrar-se mais na geração de negócios, como venda de produtos e serviços, e não em transações como pagamentos de contas e transferências de dinheiro. Nos próximos 2 anos, mais agências serão renovadas.

Lazari disse que essa reforma reduzirá os custos por agência, pois exigirá menos espaço, seguranças e carros blindados para transportar papel-moeda, já que as unidades focarão mais em fechar contratos. Ao anunciar os resultados do segundo trimestre na véspera, o Bradesco anunciou que fechará mais de 400 agências neste ano.


G1

Seguir:

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo