top of page

Bancários doam mais 4 toneladas de alimentos a famílias carentes em Cascavel (PR)

Numa ação conjunta do Fórum Sindical de Cascavel, do Sindicato dos Bancários de Cascavel e Região e do Sindicato Nacional dos Auditores da Receita Federal do Brasil (Sindifisco), na quarta-feira (27) essas entidades fizeram a doação de 4 toneladas de alimentos adquiridos da agricultura familiar e entregues a famílias carentes do município.

Esta iniciativa faz parte da Campanha de Arrecadação em Defesa da Vida, no enfrentamento à pandemia do coronavírus (covid-19), que vem sendo desenvolvida pelo Fórum Sindical de Cascavel – que reúne 27 entidades de diferentes categorias de trabalhadores.

Desta vez,foram beneficiadas as seguintes entidades sociais: Pastoral da Criança da Paróquia Santo Antônio (com 1 tonelada de alimentos); Pastoral da Criança da Paróquia Santa Cruz (com 1 tonelada de alimento) e Cootacar – Cooperativa de Catadores de recicláveis de Cascavel, que funciona junto ao Ecolixo (2,2 toneladas de alimentos).

Participaram do ato de entrega o coordenador do Fórum Sindical de Cascavel, Laerson Vidal Matias; o presidente do Sindicato dos Bancários de Cascavel, Gladir Basso, e os diretores da entidade Gilmar Unser e Ivanildo Claro da Silva; e o presidente do Sindifisco, Eduardo de Araújo Maia, e o diretor Antonio Carlos de Almeida.

“O Sindicato dos Bancários de Cascavel não poderia ficar alheio às dificuldades que famílias carentes de nossa cidade enfrentam, principalmente nesse período de pandemia. Por isso estamos participando do repasse desses alimentos juntamente com o Fórum Sindical e o Sindifisco”, afirmou Glaldir Basso.

“A ação integra uma campanha de apoio e solidariedade, organizada pelo Fórum Sindical de Cascavel, que tem como objetivo atender a quem já sofre com a falta de alimentos por consequência a pandemia do novo coronavírus. Com essa terceira etapa, completamos 12 toneladas de alimentos entregues as famílias da periferia de Cascavel. Esperamos arrecadar mais recursos para manter essas compra direta do agricultor para essa de quem precisa de alimento para enfrentar essa pandemia com saúde e sem passar fome. Contribua você também, entre em contato conosco para ajudar”, diz Laerson Matias.

Fonte: Feeb PR

Yorumlar


bottom of page