• juliana9986

31° Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil – CNFBB 2020

ORIENTAÇÃO – 2

O BANCO É DO BRASIL: Em defesa da Democracia, do Patrimônio Nacional e de Direitos.

Nos dias 10 e 12 de julho ocorrerá via videoconferência o 31° Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil, neste momento onde a situação imposta pelo isolamento social na defesa da vida, nos traz também o desafio da defesa do próprio Banco Público.

Para organizar os encontros estaduais, regionais como preparativos para o congresso nacional, a CONTRA/CUT orienta a temática e o formado dos debates para envio de propostas para a plenária nacional.

Neste sentido, a Comissão de Empresa dos Funcionários do Banco do Brasil (CEBB), que assessora a CONTRAF/CUT, após aprovado na Reunião do Comando Nacional dos Bancários, orienta:

- É de suma importância que o primeiro debate seja a respeito do Acordo Coletivo de Trabalho dos Funcionários do Banco do Brasil. Neste momento de ataques devemos somar esforços e não criarmos agendas próprias e isoladas, pois os ataques as empresas públicas são o viés para desmonte de tudo que construímos nestes últimos anos. Por isso, a indicação e orientação é que seja discutido nos encontros a renovação do ACT do BB, centrando na unidade da mesa única a defesa do salário, emprego, carreira, PLR e das novas formas de trabalho remoto.

- É a unidade de mesa única como categoria que iremos lutar juntos para defender nossos direitos, avançar em conquistas e preservar o patrimônio brasileiro. Por isso, é imprescindível centrarmos nossos debates neste 31º Congresso Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil no eixo em defesa desta instituição que por anos serviu de instrumento de difusão de crédito para o agronegócios, pequenos agricultores familiares, micro e pequeno empreendedor e para milhões de trabalhadores assalariados ou de baixa renda, como instrumento de bancarização para o rincão do país.

Portanto o Congresso terá os seguintes eixos e propomos os mesmos debates nos estaduais e regionais:

Eixo 1: O banco é dos brasileiros!

Debate com convidados a respeito do papel desempenhado pelo Banco do Brasil no microcrédito, crédito para pequenos e microempreendedores, para agricultura familiar. A importância deste patrimônio para a sociedade brasileira.


Eixo 2: “Eles não vão gostar, mas nós não vamos largar nada!”

Debate com convidados sobre os ataques do sistema financeiro nacional neoliberal e do governo federal as empresas públicas, aos planos de previdência complementar e saúde suplementar, um projeto ideológico de destruição do modelo construído por essa comunidade que cerca a empresa pública ou neste caso o Banco Público.

Eixo 3: Precisamos de um banco para conduzir uma política em favor da sociedade?

Debate com convidados para construção de uma frente política em defesa do Banco do Brasil, seu papel nas políticas sociais, econômicas de estados, municípios e setoriais.

Plenário Final: Defender as conquistas e avançar na defesa da democracia.

Uma reflexão com diferentes atores frente os ataques que os movimentos sociais e a sociedade vêm passando por este estado militarizado, como também o momento chave para a discussão de um calendário e organização do movimento de lutas para Campanha Salarial Unificada, como também de uma Campanha Nacional em Defesa do Banco do Brasil.

Diante desses temas, orientamos que os debates dos encontros estaduais e regionais levem se organizem dentro desses eixos para contribuições, como tragam propostas a respeito de calendário e organização do movimento para podemos aprovar conjuntamente ações a serem encaminhadas à Conferência Nacional do Bancários.

Em defesa do Banco que é do Brasil e da categoria Unificada.

Seguem abaixo informações para os encontros Estaduais/ Regionais, lembrando que o prazo final para realização dos mesmos é dia 05 de julho de 2020.

Temas de Debate para os Encontros Estaduais, Regionais e Assembleias de Eleição de Delegados:

1. Aprovação da Renovação da Minuta

2. Campanha de Defesa do Banco do Brasil

3. Proposta de Calendário de Luta:

3.1 – Campanha de Defesa do Banco Brasil

3.2 – Campanha Nacional dos Bancários


FEEB SP/MS

0 comentário