• Sindicato dos Bancários

Por que o assédio moral progride no Bradesco?


O Sindicato dos bancários de Sorocaba está às voltas com o quarto caso de assédio moral no Bradesco, desta vez em Itu – SP. Temos feito reportagens diversas para notificar o desdobramento do caso.

O que não entendemos é a passividade com que o banco administra estes casos, nunca constatando as denúncias e deixando um recado “oculto” para o quadro de funcionários, promovendo os agressores. O recado é “Não adianta reclamar para o sindicato”, como tem sido dito pela gestora de Itu aos seus comandados.

Antes do caso da agência Prime de Itu, tivemos outros três casos de assédio no Bradesco, na cidade de Sorocaba:

- No primeiro, a denunciada foi “promovida” para a segunda maior agência de Sorocaba. Reincidiu, foi processada e aguardamos resultado jurídico;

- No segundo, o denunciado foi “promovido” para gerente regional em Caruaru-PE. Informações daquela praça dão conta de que ninguém gostou dele por lá e que logo foi transferido;

- No terceiro caso, o denunciado foi “promovido” para gerente regional em Chapecó-SC. Reincidiu, foi denunciado no MPT e não trabalha mais naquela praça;

Notem que os assediadores continuam empregados, enquanto seus comandados não tem a mesma sorte! O banco parece não enxergar que os demais gestores, ao ver que o crime “compensa”, se sentem amparados, tendem a fazer o mesmo com seus comandados e para não alongar muito, temos outras duas denúncias de assédios em Sorocaba que estamos apurando.

É claro que o banco se preocupa com sua imagem perante os clientes e o sindicato não tem nenhum prazer em denunciar, porém não podemos concordar com as atitudes grosseiras, desrespeitosas e baixas, por parte dos agressores. Então denunciamos!

A palavra que encontramos para definir estes acontecimentos é conivência! Vamos dar os 45 dias acordados em nossa CCT para as averiguações, mas o processo coletivo já está pronto.

Agora vamos adivinhar: é final de ano, as metas estão pela hora da verdade (a agência está bem graças aos funcionários), no inicio do ano darão férias para a gestora e ela será transferida para uma outra agência, maior que a atual (a nosso pedido fora da base territorial de Sorocaba) e vida que segue.

Sempre em nome da lucratividade!

Júlio César Machado

Presidente do Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região

#bradesco

Seguir:

9 9784-7687

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo