16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher


A CONTEC está engajada na campanha internacional 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres e participa de várias ações realizadas no Congresso Nacional, entidades e instituições. Neste ano, a mobilização é voltada para mulheres negras, encarceradas, que enfrentam litígios judiciais e vítimas de assédio e de violência doméstica, além de meninas submetidas ao casamento infantil e vítimas de violência. Outro público que a campanha pretende atingir são mães de crianças autistas.

Os 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres começaram em 1991, quando mulheres de diferentes países, reunidas pelo Centro de Liderança Global de Mulheres (CWGL), iniciaram uma mobilização com o objetivo de promover o debate e denunciar as várias formas de violência contra as mulheres no mundo.

No Brasil, a Campanha ocorre desde 2003 e é chamada 16+5 Dias de Ativismo, pois incorporou o Dia da Consciência Negra, de acordo com a Procuradoria Especial da Mulher. A mobilização termina em 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. Cerca de 150 países participam da campanha.

A data é uma homenagem às irmãs Pátria, Minerva e Maria Teresa, conhecidas como “Las Mariposas” e assassinadas em 1960 por fazerem oposição ao governo do ditador Rafael Trujillo, que presidiu a República Dominicana de 1930 a 1961, quando foi deposto.

Diretoria Executiva da CONTEC

#sindnews

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo