• Sindicato dos Bancários

Gerente assediador do BB de Apiaí é transferido após intervenção do sindicato


Acabou com final feliz um caso de assédio moral acontecido no Banco do Brasil da cidade de Apiaí – SP. O gestor dessa agência assediava moralmente e constantemente seus funcionários. Tal comportamento foi denunciado ao Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região, que passou a acompanhar o caso, intervindo junto à Geps . “Nenhum funcionário suportava esse gestor. E para felicidade de todos, essa semana o assediador foi transferido”, conta Ricardo Santos Filho, dirigente sindical do Sindicato dos Bancários de Sorocaba e Região, responsável pela região de Apiaí.

Entenda o caso

Diante de uma denuncia do movimento sindical, baseada em informações obtidas junto aos funcionários do banco, a ouvidoria do Banco do Brasil entrou no caso para investigar as ocorrências e prometeram um desfecho para o caso. Durante o período o denunciado seria acompanhado por profissionais que analisariam a postura do gestor que agredia moralmente seus comandados. O gestor retornou ao trabalho, continuando a tratar seus comandados com ofensas como “idiota”, implicando com as vestimentas, humilhando com gestos e palavras. Nesse intervalo de tempo, um funcionário daquela agência precisou ser internado em uma clínica de tratamento por conta dos assédios sofridos. Somados a este fato, outros também necessitaram de atendimento médico e o gestor ainda fez uso do telefone para difamar os adoecidos para os demais gerentes da região, com o intuito de não aceitá-los no caso de pedido de transferência.

Começaram chegar reclamações de clientes do banco referindo-se aos maus tratos no atendimento por parte daquele gestor. A ouvidoria do banco, que havia informado sobre o acompanhamento, não se pronunciou a respeito do caso, não respondendo outras reclamações e não gerando protocolos neste sentido, dando a impressão de descaso. O sindicato então, de posse de gravações que comprovavam o assédio moral, avisou a ouvidoria do banco que usaria o material caso não fossem tomadas providências, o que acabou acontecendo nesta semana.

“Em visita ao banco após a transferência do gestor, o quadro já era outro, com clima de tranquilidade e harmonia”, relata o dirigente Ricardo.

SEEB Sorocaba

#3 #bb

Seguir:

9 9784-7687

Endereço

Telefone

(15) 3229.2990

Sugestões, dúvidas ou reclamações?

Preencha o formulário abaixo