Itaú deve pagar R$ 48 mil por dano moral a ex-caixa que ocultou dinheiro


O Tribunal Superior do Trabalho manteve em R$ 48 mil o valor da indenização que o Itaú deve pagar a um ex-caixa por obrigá-lo a esconder de oficiais de Justiça o dinheiro disponível na agência. O autor da ação por danos morais, que trabalhou para o banco em Vila Velha (ES), pedia que a quantia fosse elevada para R$ 100 mil. O Itaú diz que não vai se pronunciar sobre o caso.

COFRE 2 O ex-funcionário afirmou que recebeu a ordem para ocultar o dinheiro em 2010, após a Justiça determinar a penhora de R$ 14 milhões do banco para pagar uma dívida. Ele reclamou do constrangimento de mentir e da ameaça de ter valores descontados do salário. Nos autos, o Itaú negou que tenha dado a ordem e que tenha burlado a decisão judicial, mas acabou condenado.

Fonte: Folha de SP

#itaú

0 comentário