Primeira reunião da Comissão Bipartite sobre Segurança Bancária com a FENABAN


Nesta terça-feira (10/02), em São Paulo, aconteceu a primeira reunião da Comissão Bipartite sobre Segurança Bancária com a FENABAN. O diretor da CONTEC, Gladir Basso, fez a abertura da reunião como representante da entidade e, apresentou os membros da Comissão.

Após as apresentações, a diretora de Finanças da CONTEC, Rumiko Tanaka, assumiu a coordenação da Reunião de Segurança Bancária. Para iniciar os debates, a coordenadora sugeriu três pontos a serem debatidos durante a reunião: porta giratória de segurança, câmera cidadã e vigilância bancária.

Para reflexão, a Comissão CONTEC levou um vídeo sobre assaltos a bancos e sugeriu que todos assistissem ao documentário. A Comissão FENABAN concordou e ambas Comissões assistiram ao vídeo.

Assim iniciou-se o debate pelo primeiro ponto elencado: porta giratória de segurança. Foram debatidos entre as Comissões diversas visões sobre a eficácia desta porta com relação aos crimes cometidos nestes últimos anos, contra os bancários, clientes, usuários e contra o patrimônio dos bancos.

Embora a existência deste instrumento inibidor não seja a solução para impedimento de assaltos, roubos, sequestros e outros crimes, ficou entendido que faz parte de um conjunto preventivo frente aos crimes desta natureza.

A Comissão Contec citou que um banco do sistema financeiro, desde 2003, tem retirado as portas giratórias de segurança. No entanto, após uma série de crimes, o mesmo banco tem reavaliado a situação. Agora, o entendimento é da necessidade de recolocação das portas que foram retiradas e a colocação, naquelas agências que ainda não tinham portas giratórias de seguranças.

A Coordenadora da Comissão Contec, citou exemplo de Lei Municipal que obrigam os bancos a colocarem portas giratórias de segurança em agências bancárias daquela região. Detalhou exemplo de um município paulista, que adotou a lei e a maioria dos bancos colocaram a porta giratória de segurança. Como a Lei previa multa de R$ 20.000,00 um banco pagou a multa e colocou a porta de segurança, restando somente uma única agência sem o equipamento.

A Comissão de Segurança Bancária da Contec sugeriu mudanças na colocação destas portas, atualmente instaladas somente na entrada da agência, que dá acesso aos serviços normais. Para a comissão seria necessário colocar outra, no acesso ao espaço dos caixas eletrônicos.

A Comissão CONTEC ainda destacou que as portas sejam equipadas com detectores de metais e outros produtos, com tecnologia avançada.O debate sobre este tema, seguirá nas próximas reuniões.

O segundo ponto de debate importante foi a instalação das “Câmeras Cidadãs”. A Comissão Contec e a Comissão Fenaban discutiram positivamente sobre este ponto.

Como a Fenaban em conjunto com Sindicato, Prefeitura, Secretario da Segurança, Polícia Federal, Civil e Municipal tem experiência concreta com o Projeto Piloto, a Comissão Contec propôs avançar neste ponto, iniciando nos municípios, mais vulneráveis, após elaboração de projeto, com a participação da prefeitura, sindicato de bancários, Policia Militar, Civil e Secretaria da Segurança Pública. Ficou acertado que o assunto voltará à pauta da próxima reunião.

Como terceiro ponto de debate falou-se sobre a vigilância bancária. A Comissão Contec relatou problemas relacionados aos serviços terceirizados, principalmente sobre as longas jornadas dos vigilantes e a falta de treinamento especializado dos profissionais. O debate não se findou e também voltará a pauta da próxima reunião.

No próximo dia 24 de fevereiro, de 10h às 17h, haverá reunião preparatória sobre saúde do trabalhador, no Sindicato dos Securitários de São Paulo,localizado a Avenida Nove de Julho, nº40, Bela Vista - SP. Dia 25 de fevereiro, está confirmada a Reunião sobre Saúde do trabalhador das 10h as 12h, no Edifício da Sede da FENABAN, 12º andar.

Participaram da reunião, representantes da FEEB PR, FEEB MG/GO/DF, Seeb GO, Sintec TO, Seeb Varginha, Seeb Cascavel, Seeb São José dos Campos, Seeb Ponta Grossa e delegação da CONTEC no Rio Grande do Sul.

AVALIAÇÃO - Avaliamos positivamente essa reunião porque é mais um fórum de debates de extrema importância e interesse dos bancários em nível nacional.

Fonte: Contec

#sindnews

0 comentário